O ESTRANHO MUNDO DE CORALINE

fevereiro 24, 2009

coraline1

Aproveitei este carnaval fuleiro de Brasília para conferir o filme de animação “Coraline e o Mundo Secreto”. O filme chega aos cinemas com ótimas referencias, ele foi baseado no livro infanto-juvenil do aclamado Neil Gaiman e dirigido por Henry Sellick, o mesmo diretor de “O Estranho Mundo de Jack” e “James e o Pêssego Gigante”. Feito em técnica stop-motion, o visual do filme é deslumbrante e o terror médio pode assustar crianças com menos de 12 anos. Procure a versão legendada e divirta-se!

CAPA DO LIVRO DE NEIL GAIMAN

CAPA DO LIVRO DE NEIL GAIMAN

Anúncios

MANU CHAO TAMBÉM É HARDCORE

fevereiro 19, 2009

Manu Chao clicado por André Bermak, vulgo Berma

Manu Chao clicado por André Bermak, vulgo Berma

Já vi o Manu Chao ao lado do Mano Negra no Gran Circo Lar em 92. Também ví o cara na Torre de TV em 2005 e ano passado no Arena Futebol Clube com o 3BRIO. Na noite de segunda-feira passada, ele voltou a tocar no Arena. Dessa vez a estrutura do palco e som estavam de alto nível, diferente do desmazelo do show passado. Acompanhado da banda Radio Bemba, Manu Chao apresentou repertório de sua carreira solo e vários petardos do Mano Negra emendadas. A mistura latina foi adicionada ao reggae, ska e muito hardcore. Sim, muito hardcore! Faltou só a roda de pogo, mais aí era pedir demais para a imensa maioria de preibóis e garotas de fino trato que somavam mais de 2 mil pagantes do evento. Talvez por conta da percussão, teclado e trompete, o som da banda parecesse em certos momentos com um trio elétrico atiçando os “chicleteiros”.  O cara se despediu e voltou ao palco três vezes. Foram duas horas de músicas que te deixam feliz, com sorriso no rosto mesmo sabendo que vai ter que acordar cedo no outro dia.

Manu Chao e Radio Bemba mal clicado por mim

Manu Chao e Radio Bemba mal clicado por mim

AVISO: não caia na conversa dos flanelinhas cretinos que fingem vigiar os carros no lado de fora do Arena. Os FDPS tem a cara de pau de pedir a “colaboração” de R$2,00 adiantados e mais R$2,00 na volta. Nas duas vezes que eu fui no Arena e eles falaram isso pra mim, respondi que só pagaria na volta. Nas duas vezes, os caras nem estavam lá quando fui embora. Ainda bem, pois economizei umas moedas, porque nem a pau eu ia pagar mais que 50 centavos pruns idiotas desses.

quebra_queixo_-_df_1

As bandas Quebraqueixo e Gonorant$ fincaram mais uma bandeira do HC de Brasília no território tocantinense. A aventura começa às 18h da sexta-feira 13, o terror toma conta de nossas almas quando Éder do Gonorant$ e Herman do Quebraqueixo quase perdem o ônibus. Foram 13 horas de baú precário pra chegar até Palmas, com muitas paradas em postos e banheiros horrendos.

André Porkão, vocal do “A Baba de Munm-ra” veio nos receber na manhã de sábado e no levou ao hotel de quase duas estrelas. No trajeto, deu pra conhecer um pouco a cidade que é planejada e está em pleno desenvolvimento. Uma terra de oportunidades pra aventureiros. Os Gonorant$ aproveitaram à piscina e o Quebraqueixo ficou peidando no ar condicionado do quarto. Depois do almoço, o Quebraqueixo e o Éder desceram 4km a pé até chegarem na Praia Graciosa, uma praia de rio que parece um pouco o Pontão do Lago Sul. Não rola de tomar banho pois é infestada de piranhas e arraias. Logo, o Marcão e Danihells do “A Baba de Munn-ra” e o Bento do Mata-burro vieram nos levar pra passagem de som.

Pela primeira vez, adentramos a lendária “Tendencies Music Bar”, famosa casa de shows, com loja de artigos de rock, estúdio de tatuagem, estúdio de ensaio e lá Porkão faz boby piercing, resumindo, é o shopping center completo pra roqueiro nenhum botar defeito. Descansamos um pouco no hotel, comemos pizza e rumamos para o show. O festival “Grito Rock Tocantins 2009” começou neste sábado com o show dos Piratas, depois Nose Blend que quebrou uma guitarra no palco, coisa de roqueiro muito louco. Armei uma banquinha pra vender meus livros e CDs, a Vanessa e o Rafael do Gonorant$ deram uma força pra cuidar dos produtos. Depois foi a vez do Clamor, trio pesadíssimo do batera vocalista Raws. Quase no fim do show dos caras começa uma chuvinha chata, isso me preocupou pois metade do Tendencies é descoberto. Quando começamos a tocar, a chuva estava bem fina, mas nada impediu boa parte dos espectadores chegassem na beira do palco e agitassem muito, principalmente nos covers do DK e do ST com participações do Marcão, do Patrik e do Remo.

gonorants_-_df_1

Os brasilienses Gonorant$ fecharam a noite com muita energia. Agradaram em cheio com o seu HC bem humorado e os covers do Raimundos e LQ&MB. A baixista Vanessa partiu vários corações dos roqueiros de Palmas. No fim, vendi meus livros e CDs e o Gonorant$ também sapecou seu CDs por lá. Voltamos para o hotel às 4 da manhã. Herman abandonou a trupe e voltou de avião. Saímos do hotel quase 13h. A filha da puta da gerente nos cobrou por produtos que não consumimos no frigobar. Porkão, que também atende pela alcunha de Satanic Pig nos ofereceu um churrasco de George Foreman Grill no Tendencies. Faltou só conhecer algumas das 96 cachoeiras da região, mas isso fica pra próxima. No fim da tarde chuvosa, passeamos no shopping center e vazamos pra rodoviária para mais treze horas sacolejando num baú pior que o da ida. Agora é desempenar as vértebras e partir pra outra.

Em breve vou postar as fotos e na seqüência faço a resenha do Manu Chao.

GRITANDO PALMAS

fevereiro 11, 2009

apesar da reforma ortográfica, o nosso nome continua sendo escrito QUEBRAQUEIXO tudo junto e sem hifen

Apesar da reforma ortográfica, o nosso nome continua sendo escrito QUEBRAQUEIXO tudo junto e sem hífen

Se tudo der certo, neste sábado, 14 de fevereiro, o Quebraqueixo estará tocando em Palmas (PMW). È o Festival Grito Rock que acontece em mais de 40 cidades do Brasil e da América do Sul. Aceitamos o convite de André Porkão para tocarmos no famoso “Tendencies Music Bar” com os Gonorants e bandas locais. Vou chegar na segunda-feira, e depois de assistir o show do Manu Chao, eu como foi tudo.

A DESPEDIDA DO STÊVZ

fevereiro 8, 2009

getattachmentca1jhi18

Ontem rolou a despedida do amigo Stêvz que está de mudança para Hell de Janeiro. Ele vai pra lá trabalhar com aquilo que mais gosta: desenhar. O cara é multi talentoso e esperamos que ele se dê bem, ganhe muito $$$ e não encontre nenhuma bala perdida.  A cerimônia aconteceu no pé sujo “Meu Bar” (408 N) e contou com a presença de vários amigos. Vai lá Stêvz! Boa sorte e qualquer hora passaremos para uma visita!

Para conhecer um pouco do trabalho do cara visite:

 

http://flickr.com/photos/stevz

http://cumulusabsurdum.blogspot.com/

http://www.myspace.com/jeronimojohnson

 

getattachmentca2ea8ql

getattachmentca167oyx